domingo, 23 de março de 2014

Batismo nas águas - Batismo com Espírito Santo - Batismo com Fogo: O FIM DO MISTÉRIO!





BATISMO NAS ÁGUAS

Na época de João Batista, batizava-se em água para arrependimento de pecados em preparação a chegada do Messias prometido, quando Ele mesmo batizou-Se, não porque tinha pecado para arrepender-Se naquele momento, mas que no dia da crucificação teria que cumprir toda justiça, arrependendo-Se dos pecados de toda humanidade que tomara sobre Si.

 Na Nova Aliança, o Batismo nas águas é o  primeiro testemunho público daquele que nasceu de novo e que não se envergonha diante dos homens por ter recebido a Cristo como Senhor e Salvador de sua vida. Entretanto, se o participante desse simbolismo (Batismo nas águas) ainda não  experimentou o Novo Nascimento, ele apenas ingressou como mero religioso em uma igreja local, desprovido de  todo contexto espiritual do que representa pertencer ao Corpo de Cristo.  


BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO 

Todos que ouvem as palavras de vida eterna e recebem  Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas, experimentam o Novo Nascimento, pois nascem da Água (Palavra) e do Espírito, porquanto após O Espírito Santo nos convencer do pecado, da justiça e do juízo, Ele mesmo passa a fazer morada em nosso coração (espírito humano);  e  dessa  forma,  passamos andar em novidade de vida.
Portanto, todos que se convertem verdadeiramente ao Evangelho de Cristo, independente de falar  ou não em línguas, são batizados com o Espírito Santo.



BATISMO COM FOGO DO ESPÍRITO

Após receber o Batismo com o Espírito Santo pelo novo nascimento, basta perseverar até o fim para ser salvo. Entretanto, se quisermos combater o bom combate da fé contra as hostes espirituais da maldade que agem contra a edificação da Igreja e a vida do nosso próximo, existe a possibilidade de uma nova experiência, a qual se constitui no complemento da plenitude do Espírito Santo para os nascidos de novo que querem e buscam  um maior revestimento de poder com capacitação especial não só para testemunhar o Evangelho destemidamente, como também para desempenhar com ousadia e intrepidez as manifestações dos dons espirituais, visando com isto o aperfeiçoamento dos santos e a edificação do Corpo de Cristo.


EVIDÊNCIA DO REVESTIMENTO DE PODER PELO 
BATISMO COM DONS ESPIRITUAIS:


DONS DE REVELAÇÃO 

1. PALAVRA DE SABEDORIA - Revelação de fatos que se darão somente no futuro.
2. PALAVRA DE CONHECIMENTO - Revelação de fatos do presente e/ou  passado.
3. DISCERNIMENTO DE ESPÍRITOS - Introspecção numa dimensão espiritual. 


DONS DE PODER 

1. DOM DA FÉ - Fé especial.
2. OPERAÇÃO DE MARAVILHAS - Milagres sobre a natureza.
3. DONS DE CURAR - Milagre sobre doenças e enfermidades.


DONS DE INSPIRAÇÃO 

1. VARIEDADES DE LÍNGUAS - Menor dos dons, pois só edifica a si mesmo.
2. CAPACIDADE DE INTERPRETAR - Interpretação de língua cifrada para edificação de todo Corpo.
3. PROFECIA -  Recado divino para exortação, consolo e edificação do corpo de Cristo.


CONCLUSÃO

Somente o Senhor Jesus recebeu todos os dons acima, pois o Senhor Deus não lhe deu o Espírito por medida;  contudo,  somente nas manifestações espirituais da cristandade espalhada pela face da Terra,  pode-se exercer todos os dons espirituais ou a maioria deles, conforme o Espírito Santo nos conceder, visando sempre um fim proveitoso na  edificação da Igreja de Cristo. 


Paz Seja Com Todos,
JC de Araújo Jorge



16 comentários:

  1. Ótimo post irmão !
    Me esclareceu muitas coisas. Até porque eu achava que Deus só teria parte comigo a partir do momento que eu fosse batizada com o Espirito Santo, falando em línguas. Mas agora pude entender que isso é um dom, e que o meu dom pode ser outro, que eu ainda não tenha descoberto.
    Até então eu via pessoas servindo “de qualquer jeito” recebendo essa dádiva, e eu não. Agora posso entender o por quê ?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Olá irmão, muito bom artigo e blog. Estou participando e o convido a participar dos meus também. Que o Senhor o abençoe sempre!

    ResponderExcluir
  3. Desculpa...esqueci de deixar os links;
    www.abundantelife.blogspot.com
    www.sobrearochadocristo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Este poderoso livro já esta disponível para download gratis no endereço:
    http://pt.scribd.com/doc/9662979/O-Dizimo-e-a-Graca

    ResponderExcluir
  5. No contexto imediato (Lucas 3:17; Mateus 3:12), João explica que o fogo representa castigo em fogo inextinguível. Alguns de seus ouvintes seriam batizados com o Espírito Santo, e outros deles seriam imersos no fogo do castigo eterno.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado irmão Osni,

      Agradeço seus comentários, tanto aqui como também no post: Como repreender o devorador

      - João Batista ao afirmar em Mateus 3.11 e Lucas 3.16 que o Messias Enviado tinha poder para batizar com Espírito Santo, usou a conjunção aditiva "e" para dizer que ELE também batizaria com fogo.
      Nos versículos mencionados, trata-se de um segundo batismo com revestimento de poder e distribuição de dons espirituais para os que já foram batizados com o Espírito Santo no ato da genuína conversão.

      - Quanto ao versículo seguinte, tanto de Mt 3.12 quanto de Lc 3.17:
      "A sua pá, ele a tem na mão e limpará completamente a sua eira; recolherá o seu trigo no celeiro, mas queimará a palha em fogo inextinguível"

      Passarei a fazer algumas considerações:

      * Existe uma tendência dos cristãos históricos/tradicionais, principalmente os de origem calvinistas, de não aceitarem os dons do Espírito Santo no contexto atual; por isso, usam do versículo acima para tentar defender sua tese, ignorando dessa forma as experiências que se possa ter com os dons espirituais para proporcionar maior desempenho da Igreja contra as forças espirituais da maldade.

      * Analisando a passagem do "contexto imediato", trata-se de um outro assunto dentro de um mesmo contexto; ou seja, são os JOIOS que foram plantados no seio da Igreja por Satanás, os quais cresceram junto ao trigo (Mt 13. 24-30). São estes os tais que serão QUEIMADOS EM FOGO INEXTINGUÍVEL e não os que buscam o BATISMO DE FOGO com revestimento de poder que vem do Alto para o aperfeiçoamento dos santos.

      PARA MELHOR ENTENDIMENTO SOBRE A QUESTÃO ACIMA, ACESSE O LINK:
      A Parábola do Joio

      P.S. Espero de alguma forma tenha esclarecido o que penso sobre o tema em questão, mesmo que para isso venha a contrariar alguns irmãos defensores da teologia tradicional histórica mais acadêmica e menos dependente do entendimento bíblico oriundo do Espírito Santo.

      Paz Seja Contigo,
      J.C.de Araújo Jorge

      Excluir
  6. Querido Irmão Marido da Irmã Lucy Jorge.
    Muito me alegra que esteja aberto ao diálogo a fim de trazer mais luz ao texto em apreço. Observei também o esforço do irmão em me identificar com o segmento Calvinista, não sou, sou pentecostal Assembleiano Belemita desde o ventre donde minha mãe zelosamente nos ensinou tudo quanto o Senhor lhe dera. (Dou graças ao meu Deus, porque falo mais línguas do que vós todos.1 Coríntios 14:18). Bem, posto isto, vamos ao tema.
    Vou tentar reproduzir sinteticamente a cena descrita em mateus 3:
    Do verso 1 ao 3 mostra João chamando o povo ao arrependimento, no verso 4 o evangelista o identifica, nos versos 5 e 6 é narrado a conversão dos leigos de Jerusalém, Judéia e províncias adjacente ao Jordão e eram batizados até ai sem problemas.
    O ponto nevrálgico começa no verso 7 quando João, o batista se depara com os Fariseus e os Saduceus que pretensiosamente vinham aos seu batismo.
    Peço a atenção do amado irmão para o fato de que mudou o público alvo de sua pregação, portanto mudou sua pregação de aceitação e compaixão para repreensão e rejeição.
    João, indignado os chama de “raça de víboras” e assevera que a fuga da ira vindoura requer muito mais que um banho em aguas, requer legítimo arrependimento evidenciado por frutos, o qual o simples fato de ser da linhagem genealógica de Abraão não substitui.
    Estamos agora no âmago da questão, os versos 10; 11 e 12:
    Vemos aqui João falando de um eminente juízo, o machado em prontidão à raiz das arvores aguardando por frutos dignos de arrependimento, se no tempo determinado não o produzir seria lançado ao fogo, isto corrobora com Mateus 7:19 “Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.” “E também já está posto o machado à raiz das árvores; toda a árvore, pois, que não dá bom fruto, corta-se e lança-se no fogo”. Lucas 3:9
    João diz no verso 11 que ele, João, trouxe o batismo nas aguas apenas, mas Jesus tem duas espécie de batismo, com Espirito Santo e com Fogo.
    Finalmente no verso 12 João esclarece aos líderes religiosos, que aliás também foram alvo de severas críticas de Jesus (mt.23) que Jesus faria uma separação entre o “trigo” o qual guardaria no seu celeiro por serem frutos dignos e a palha que nada tem de útil, portanto será queimada no fogo que nunca se apagará que se ajusta com Marcos 9:46Onde o seu bicho não morre, e o fogo nunca se apaga. - Marcos 9:44- Marcos 9:48-Mateus 13:40-Mateus 13:50.
    Se esta exegese não convencer o irmão, ao menos admita que é pontual (verso á verso) e tem fundamento.
    Reitero que sou Pentecostal, apenas não entendo que esta passagem fale do Batismo no Espírito Santo que é claramente evidenciado em atos 2 onde se lê “línguas repartidas COMO de fogo”.
    Att: Osni de Figueiredo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado irmão Osni,

      Também me alegro em saber que o irmão crer na contemporaneidade dos dons espirituais, o que também creio; não que eu faça parte da centenária Assembleia de Deus. Posto que, não me considero de origem reformada luterana, nem arminiano e muito menos calvinista, mas simplesmente bíblico neotestamentário.

      Para finalizar o nosso diálogo, também tentarei sintetizar alguns pontos sobre a questão dos Batismos:

      * Acredito que o Senhor Jesus ao pronunciar em Mc 16.16 "Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado", estava se referindo ao Batismo com o Espírito Santo no espírito humano (coração), o qual ocorre no ato de uma conversão genuína através do Novo Nascimento.

      * O Batismo nas Águas, geralmente subsequente ao batismo com o Espírito Santo, não é o batismo que Jesus se refere em Mc 16.16; visto que, este é apenas símbolo do arrependimento já ocorrido no novo nascimento; todavia, serve como testemunho público da referida conversão, bem como para ingressar na igreja local.

      * Todos que se convertem ao Evangelho de Cristo e nascem de novo, são batizados com o Espírito Santo, bastando apenas perseverar até o fim no Caminho para serem salvos, mesmo que não tenham sido revestidos dos dons espirituais de ICo 12.

      * Considerando que, todos os batizados com o Espírito Santo (Mc 16.16) serão salvos, resta-nos entender que a descida do Espírito Santo com revestimento de poder é uma nova experiência e por conseguinte se constitui em um complemento do Batismo com o Espírito Santo para o aperfeiçoamento dos santos, que em meu entendimento, é o Batismo com fogo.

      Parece-me que a questão é apenas designar (sem preconceito) o nome desse BATISMO.

      Mediante esta linha de raciocínio, o que o irmão tem a dizer?

      Paz Seja Contigo,
      J.C.de Araújo Jorge

      Excluir
  7. Parabéns pelo blog! Muito edificantes seus estudos. Estw estudo referente ao batismo, é muito bom.
    Deus abençoe!

    Vanessa. http://incondicionalamordeus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Muito edificante, Deus continue abençoando sua vida em Cristo Jesus.

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pelo blog, irmão Araújo. Edificantes mensagens. Que a potente mão do Senhor esteja contigo.

    ResponderExcluir
  10. Olá J. C.

    Linda reflexão, que Deus continue usando sempre sua vida. Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  11. Olá!!!, Deus te abençoe, amigo o seu blog é maravilhoso continue assim, S-U-C-E-S-S-O
    Já estou te seguindo, aguardo a retribuição.
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis
    Fanpage: https://www.facebook.com/pages/Batom-Vermelho/490453494347852?ref=ts&fref=ts
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Graça e paz, já estou seguindo seu blog, muito bom que Deus continue lhe usando para trazer a palavra de Deus e esclarecimentos bíblicos, gostei muito do seu blog e já estou seguindo, forte abraço. www.dacrisblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

As refutações serão devidamente respondidas!
Não serão publicados comentários com os seguintes conteúdos:
- Palavrões;
- Conteúdos Ofensivos;
- Comentários Anônimos;

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...